Monthly Archives: março 2010

Estética em Odontologia

Saiba os cuidados para ter um sorriso perfeito.

Sorriso perfeito

Um sorriso saudável depende, principalmente, de cuidados com a higiene bucal. Se escova, pasta e fio dental são itens essenciais, veja aqui que outros produtos podem auxiliar você nessa tarefa.

  • Itens complementares – Limpador de língua. As bactérias que ficam presas na língua são grandes responsáveis pelo mau hálito.
  • Para ajudar a prevenir cáries, aposte em soluções para bochecho com flúor.
  • Escova interdental para quem usa aparelhos ortodônticos ou próteses fixas. Ela possui hastes especiais para limpeza entre os dentes.

Cáries: o que são e como prevenir ?

A cárie é uma deterioração que ocorre nos dentes em consequência do estilo de vida do indivíduo:

  • o que come e como cuida da saúde bucal.
  • A hereditariedade também tem papel importante na predisposição para o problema.

Alimentos ricos em açúcar e amido (farináceos e cereais) são potenciais formadores de cáries. Isso se deve às bactérias que são ativadas na boca no início do processo de digestão desses nutrientes. – Essas bactérias produzem ácidos que corroem o interior do dente. Com o tempo, o esmalte do dente começa a fraturar por baixo da superfície, enquanto a parte externa permanece intacta. Quando uma quantidade suficiente de esmalte sob a superfície tiver sido destruída, a superfície se desmorona, expondo a cavidade de cárie. – Para evitar cáries, os dentistas costumam recomendar a ingestão de doces ou amidos durante as refeições, e não no lanche, para minimizar o número de vezes que os dentes são expostos ao ácido. Também porque é após as principais refeições que as pessoas habitualmente escovam os dentes.

Mastigar é preciso

Os cuidados com a saúde bucal têm de começar na infância. Para o desenvolvimento adequado de maxilares e estruturas faciais, crianças com dentição não devem viver apenas de papinhas. – Os prejuízos causados por uma dieta que não exige mastigação são vários, segundo a odontopediatra caxiense Débora Scariot. Entre os problemas que podem aparecer com o avanço da idade, estão falta de espaço para a dentição permanente e para o posicionamento lingual. Desses problemas decorrem também a respiração oral e disfunções da face, como o bruxismo (ação de ranger os dentes durante o sono).

Construindo um novo sorriso

Até a década de 1980, os dentistas não tinham muito a oferecer para recuperar a beleza do sorriso. Uma considerável parcela da população chegava à meia idade com poucos ou nenhum dente na boca, tendo de recorrer à dentadura. De lá para cá houve muitos avanços. O dentista caxiense Gustavo Broliato, especialista em prótese dentária, lista os principais recursos disponíveis a favor da estética do sorriso. Implantes O implante dental é uma estrutura de metal no formato de um parafuso que substitui a raiz de um dente extraído. O implante é um recurso bastante usado para fixar próteses e auxiliar na mastigação. Técnicas avançadas permitem instalar implantes em regiões com pouco tecido ósseo e com pequeno prazo de cicatrização.

Dentes alinhados

A ortodontia, especialidade que atua no reposicionamento dos dentes, é uma das áreas que mais tem inovado. Até alguns anos, aparelhos para correção da posição dos dentes só eram usados por crianças e adolescentes. Hoje, a técnica é eficiente para pessoas de todas as idades. – Aparelhos ortodônticos em cerâmica (da cor dos dentes) são uma opção para as pessoas que não gostam dos aparelhos metálicos. – Outro tipo de aparelho é o lingual. Instalada na face interna dos dentes, é uma espécie de fio metálico que fica invisível. Há ainda aparelhos com placas transparentes e móveis, inclusive os aparelhos ortodonticos invisiveis (Invisiling).

Dentes brancos

Novas resinas e materiais cerâmicos são usados para restauração de cáries e evitam o uso do antigo material metálico, com aspecto de chumbo. A técnica com cerâmica possibilita restaurações na cor natural dos dentes. – É possível deixar o sorriso branquinho, através de clareamento dentario,  por meio da aplicação de gel de peróxido de hidrogênio, que quebra moléculas que causam o amarelamento, ou com aplicação de laser. Há técnicas exclusivas de consultórios e outras em que o paciente pode aplicar o produto em casa.

Fontes:

  • ABO-Nordeste,
  • Débora Scariot – (especialista em Odontopediatra)
  • Daniela Nodari (especialista em periodontia e implantodontia),
  • Gustavo Broliato e Simone Michielon Baldisserotto (especialistas em prótese dentária)
Close